search

Fornecedores da construção reduzem projeções, mas ano deve ser positivo

Revisões são resultado da economia em ritmo abaixo do esperado no início do ano

11/7/19

A Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Construção (Abramat) reduziu a projeção de crescimento para o setor de 2% para 1,5% em 2019, já considerando a inflação estimada para o período. De acordo com o presidente da entidade, Rodrigo Navarro, não se trata de um resultado ruim, mas de ajuste devido a fatores como PIB abaixo do esperado e lentidão na aprovação da reforma da Previdência

Em entrevista concedida ao Valor Econômico, Navarro afirmou que a expectativa para 2019 é de reforço da reversão ocorrida no ano passado, quando as fornecedoras de materiais de construção apresentaram crescimento de 1% após três anos consecutivos de quedas na receita – entre 2015 e 2017.

A Abramat enxerga com otimismo a vontade do governo reformular o programa Minha Casa, Minha Vida – ainda que o Ministério do Desenvolvimento Regional não tenha dado muitos detalhes da reforma. A expectativa é que as mudanças resultem no aumento da demanda por materiais, com novas obras sendo iniciadas.

A associação também projeta avanços em virtude da nova Previdência, capaz de acelerar a retomada de obras de infraestrutura no País já no quarto trimestre, se concretizada até agosto. Outra boa notícia é a redução das taxas de depósito compulsório nos bancos, anunciada no fim do mês passado pelo Banco Central, que pode injetar R$ 100 bilhões na economia, segundo cálculo divulgado pelo ministro da Economia, Paulo Guedes.

Antes da Abramat, outras associações já haviam revisado suas projeções de crescimento para 2019: a Associação Brasileira dos Fabricantes de Tintas (Abrafati) diminuiu o limite da projeção de 3,5% para 1,5%, e a Associação Nacional dos Fabricantes de Revestimentos Cerâmicos (Anfacer) baixou de 5% para 3,5%.

Por outro lado, é positivo em 43.118 postos de trabalho o saldo de empregos na construção civil gerados entre os meses de janeiro e maio, de acordo com dados divulgados pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged). 

Indústria do cimento mantém projeção

Em caminho oposto, o Sindicato Nacional da Indústria do Cimento (SNIC) mantém a projeção de crescer entre 3% e 3,3% em 2019, após amargar quatro anos seguidos de recuo. O setor viveu seu melhor ano em 2014, quando forneceu 71,7 milhões de toneladas à construção; no ano passado, foram apenas 52,7 milhões de toneladas.

De acordo com o presidente do sindicato, Paulo Penna, o crescimento na casa dos 3% é insuficiente para revelar uma recuperação da indústria cimenteira, mas é importante para interromper a sequência de quedas. Atualmente, 47% da capacidade fabril das empresas do setor estão ociosas.

No 1º semestre, o mercado avançou 1,5%, o que indica necessidade de avançar em torno de 4,5% de julho a dezembro para alcançar a projeção do sindicato. Penna espera um crescimento mais robusto no 2º semestre mediante acontecimentos como a reforma da Previdência e a permanência da retomada do mercado imobiliário, principal responsável pelos melhores números entre janeiro e junho.

Assim como a Abramat, o Sindicato Nacional da Indústria do Cimento confia em uma agenda econômica positiva do governo para o mercado, que inclui melhorias no programa Minha Casa, Minha Vida, reforma tributária, privatizações e concessões em obras de infraestrutura (veja aqui, aqui e aqui).

Para mais informações e acesso a conteúdos exclusivos, siga-nos em nossas redes sociais:

Clique aqui e receba semanalmente todo o conteúdo Smartus.

Próximos eventos

Todo o conhecimento e o know-how dos grandes líderes do mercado imobiliário em eventos imersivos e de alta performance. Venha evoluir com a gente!

Recife

Fórum Imobiliário

08 agosto
2019

saiba mais

Fortaleza

Fórum Imobiliário

22 agosto
2019

saiba mais

Belo Horizonte

Fórum Imobiliário

29 agosto
2019

saiba mais

São Paulo

Summit
Minha Casa Minha Vida

12 setembro
2019

saiba mais

Rio de Janeiro

Fórum Microliving

19 setembro
2019

saiba mais

São Paulo

Summit Modelos Disruptivos

23 setembro
2019

saiba mais

Curitiba

Fórum Imobiliário

10 outubro
2019

saiba mais

São Paulo

Summit Alto Padrão 2019

24 outubro
2019

saiba mais

São José dos Campos

Fórum Imobiliário

31 outubro
2019

saiba mais

São Paulo

Smartus Law Summit 2019

05 novembro
2019

saiba mais

Florianópolis

Fórum Imobiliário

21 novembro
2019

saiba mais

Brasília

Fórum Imobiliário

04 dezembro
2019

saiba mais
Desenvolvido por Mobme Comunicação