search

Tecnologia em segurança avança em ritmo forte no setor imobiliário

O especialista Chen Gilad explica vantagens e cuidados ao implementar novas tecnologias nos empreendimentos

20/9/19

Desde que surgiu, a Smartus informa à sua audiência através de pesquisas, estudos e entrevistas com especialistas nacionais e internacionais sobre o significativo atraso dos mercados imobiliário e de construção civil no tocante à implementação de novas tecnologias nos processos de incorporação, ainda que, desde a retomada pós-crise econômica, os players estejam mais abertos à iniciativa de inovar.

No quesito segurança, a tecnologia avança em ritmo bastante forte no mercado imobiliário brasileiro, afirma o especialista Chen Gilad, co-CEO da Haganá. As soluções mais procuradas envolvem monitoramento por câmeras, sistemas avançados de alarme, controle de acesso via reconhecimento facial ou digital e, mais recentemente, armários inteligentes para encomendas.

De acordo com Gilad, o uso de tecnologias para a segurança nos empreendimentos já é bastante presente e vem crescendo de forma acelerada devido à demanda dos consumidores, que estão mais preparados e instruídos sobre as possibilidades e ganhos.

Por outro lado, o especialista faz um alerta: “ A tecnologia permite várias melhorias, mas também confunde as pessoas, levando a um extremo tal como a dispensa de portaria, inclusive a remota. A tecnologia permite que o celular seja a chave de acesso à unidade, mas se um bandido chega junto com o morador, não existe segurança”, ilustra Gilad, fazendo referência a uma ocorrência recente em um condomínio em Higienópolis, bairro nobre de São Paulo.

Na avaliação de Gilad, de nada adianta uma solução disruptiva se a segurança for zero. “A Haganá oferece tecnologias muito diferentes, porém sempre se preocupando com a segurança”, pontua. Dentre as mais utilizadas, estão a inteligência artificial e os sensores responsivos a comandos (IoT). “Hoje, a própria câmera tem capacidade de analisar o ambiente, se há alguém armado, se uma pessoa caiu ou está passando mal”, explica. 

Um dos sistemas permite autorização remota de acesso a visitantes via Whatsapp

Presente em mais de 800 empreendimentos na gestão da segurança e prestação de serviços como limpeza e recepção, a Haganá tanto desenvolve tecnologias próprias quanto busca soluções no mercado para atender seus clientes, seja em projetos residenciais, galpões logísticos, prédios comerciais ou na indústria.

Segurança desde o marco zero

Com a experiência de 22 anos no mercado, Gilad ressalta a importância de pensar no quesito segurança desde as primeiras etapas do projeto, de modo a reduzir custos. Entretanto, cerca de 80% dos atuais clientes da empresa a procuraram para corrigir falhas. “Com certeza há ganhos quando a segurança é planejada desde o início. Reunimo-nos com engenheiros, arquitetos e paisagistas para entender a dinâmica e a finalidade do empreendimento, para então traçar a estratégia”.

Em relação às tendências ditadas pela economia do compartilhamento e pela demanda por inovação, Gilad analisa a mudança de mindset nas empresas: “A Haganá era uma empresa de segurança que tinha foco em tecnologia; hoje, somos uma empresa de tecnologia com foco em segurança. Essa questão da tecnologia sempre esteve presente, mas está virando o principal”. 

Sobre o futuro do setor, o especialista é enfático: “Não é possível prever exatamente o que virá nos próximos 5 ou 10 anos, mas sabemos que haverá cada vez mais soluções tecnológicas”. 

Para mais informações, clique aqui.

Para mais informações e acesso a conteúdos exclusivos, siga-nos em nossas redes sociais:

 

Clique aqui e receba semanalmente todo o conteúdo Smartus.

Próximos eventos

Todo o conhecimento e o know-how dos grandes líderes do mercado imobiliário em eventos imersivos e de alta performance. Venha evoluir com a gente!

São José dos Campos

Fórum Imobiliário

31 outubro
2019

saiba mais

São Paulo

Smartus Law Summit 2019

05 novembro
2019

saiba mais

Florianópolis

Fórum Imobiliário

21 novembro
2019

saiba mais

Rio de Janeiro

Fórum Imobiliário

28 novembro
2019

saiba mais

Brasília

Fórum Imobiliário

04 dezembro
2019

saiba mais
Desenvolvido por Mobme Comunicação